quarta-feira, dezembro 01, 2010

DRC no Festival de Verão de Salvador

O DRC foi confirmado no Festival de Verão de Salvador, na tarde de ontem! Essa será a 13ª edição do evento, que será realizado entre os dias 2 e 5 de fevereiro de 2011.

A banda volta a capital baiana mais uma vez e novamente tocará na Concha Acústica Maurício de Nassau, como foi no ano passado.

Confira as primeiras atrações confirmadas para o Festival de Verão 2011

As primeiras atrações do Festival de Verão 2011 foram divulgadas nesta terça-feira, 30. No palco principal foram confirmadas as celebridades nacionais Maria Gadú, Restart, Capital Inicial, Jorge e Mateus, Luan Santana, Jota Quest e Belo.

A 13ª edição do evento acontece de 2 a 5 de fevereiro, no Parque de Exposições de Salvador. Para a turma do axé music, alguns nomes já conhecidos no evento voltam a aparecer, dando poucos sinais de surpresa na grade de shows. Entre os nomes estão Claudia Leitte, Ivete Sangalo, Asa de Águia, Psirico e Parangolé.

Os organizadores do evento anunciaram ainda alguns nome que estarão no palco batizado de Concha Acústica. Luiza Possi, Otto, Detonautas e Márcia Castro aquecem o conceito de mistura de sons. No mesmo espaço tocarão Planta e Raiz e Jorge Vercilo.

Já na Casa do Pagode, a quebradeira está assegurada com nomes conhecidos do ritmo baiano, como É o Tchan, Saiddy Bamba, Guig Guetto e Oz Bambaz.

Palco principal

Atrações nacionais – Jorge & Mateus, Luan Santana, Capital Inicial, Maria Gadú, Belo, Jota Quest e Restart, 

Artistas baianos – Ivete Sangalo, Claudia Leitte, Psirico, Tomate, Asa de Águia, Parangolé,  A Zorra, Harmonia do Samba e Jammil e Uma noite

Concha Acústica Maurício de Nassau

Planta e Razi, Rajar, Detonautas, Jorge Vercilo, Luiza Possi, Monique Kessos, Márcia Castro, Cine, Quarteto de Cinco, Ana Cañas, Otto, Paula Fernandes

Casa do Pagode

Na Varanda, Fantasmão, Cladeirão, Oz Bambaz, Guig Guetto, Bambam, É O Tchan, Black Style, Leva Nóiz, Rapina, Beat Beleza, Raghartoni, Flavinho e Os Barões, Laduma, Shake Style e Saiddy Bamba

Fonte: A Tarde