sábado, dezembro 17, 2011

sábado, novembro 19, 2011

sexta-feira, novembro 18, 2011

DRC no Planeta Atlântida de SC

Sim! Estamos de volta! E somos palco PRINCIPAL, nada de palco secundário!

"A vitória só chega pra quem enfrenta!"

Maior festival de música do Sul divulga suas atrações


Foram confirmados na tarde de sta sexta-feira os principais shows das edições 2012 do Planeta Atlântida. No entanto, ainda não foi definida a programação completa com a divisão das atrações nos dois dias do evento.

Em Santa Catarina, o festival de música está marcado para os dias 13 e 14 de janeiro de 2012. Passarão pelo palco principal as seguintes atrações: Armandinho, Charlie Brown Jr., Jota Quest, Pitbull, Ivete Sangalo, Marcelo D2, Lulu Santos, Exaltasamba, Taio Cruz, Luan Santana, Revelação, Detonautas e Dazaranha. 

O Rio Grande do Sul receberá o evento nos dias 3 e 4 de fevereiro de 2012. A programação tem pouca diferença em relação à lista de atrações de Santa Catarina. No Estado gaúcho o evento terá: Armandinho, Charlie Brown Jr., Jota Quest, Ivete Sangalo, Marcelo D2, Lulu Santos, Fresno, Taio Cruz, NX Zero, Luan Santana, Chimarruts, Sean Kingston e Capital Inicial. 

Os ingressos com preços promocionais para o evento em Santa Catarina podem ser adquiridos online no endereço http://www.ingressorapido.com.br/Evento.aspx?ID=18418. Os tíquetes neste primeiro lote estão sendo vendidos a partir de R$ 70 (meia-entrada – para um dos dias do evento/setor arena) e vão até R$300 (passaporte para os dois dias/camarote). 

A compra do lote promocional de ingressos para a edição gaúcha do evento também já pode ser feita, através do site http://www.ingressorapido.com.br/Evento.aspx?ID=18419. Os preços variam de R$ 70 (meia-entrada – para um dos dias do evento/setor arena) até R$ 310 (passaporte para os dois dias/camarote).

Fonte: Engeplus

quarta-feira, novembro 16, 2011

DVD do RIR sai no início de 2012

DVD com show do Detonautas no 'Rock in Rio 2011' sai no início de 2012




Programado pela MZA Music para ser lançado no primeiro trimestre de 2012, o DVD com o show do grupo carioca Detonautas Roque Clube na edição 2011 do festival Rock in Rio vai incluir um making of com cenas de  bastidores captadas antes e depois da apresentação. Na foto acima, o diretor da MZA Music - o produtor Marco Mazzola, sentado ao centro - posa com três integrantes do Detonautas no encontro em que foi definida a data de lançamento do DVD.

Fonte: Blog Notas Musicais

Vídeo: Tico fala sobre participação no RMDS

Vídeo do programa TV Garagem, que foi a o ar na sexta-feira, 11/11, Tico fala sobre sua história com o Raimundos.


terça-feira, novembro 15, 2011

Show em São Paulo/SP - 18/11/2011

Show de lançamento do EP.


Faz parte dessa história: Constituindo - Artigo 144

Tico e artigo 144 da nossa constituição. Vídeo de 2008.

Detonautas cheio de atitude


O DRC foi chamada de capa ontem, 14/11, no jornal A Gazeta, da cidade de Cuiabá. E dentro do jornal eles foram a capa do caderno Vida, com uma página inteira.

Detonautas cheio de atitude
Luiz Fernando Vieira  / Da Redação

O Rock in Rio contou com vários dos mais famosos ídolos do pop e do rock mundial, mas uma banda brasileira acabou chamando mais as atenções do que muitos desses "medalhões", o Detonautas Roque Clube. Isso porque, além de um som pesado e competente, eles mostraram que têm opinião e atitude. Porque acreditam que o rock continua sendo um dos melhores e mais eficientes veículos para passar mensagens aos jovens, chamá-los a adotarem posturas mais críticas em relação a um monte de coisas erradas que são vistas no país e no mundo...

Leia mais na edição impressa de A Gazeta, disponível neste Portal.

Para lerem a matéria completa, cliquem aqui ou na imagem abaixo.



segunda-feira, novembro 14, 2011

Fotos: Virada Cultural de Manaus - 13/11/2011

Fotos de Cheyenne Dantas no FB.















Mais fotos no perfil da Chey.

Revista No Eixo

O motivo pelo qual o blog passou esse tempo todo desatualizado tem nome e é um revista chamada "No Eixo". Uma revista digital para músicos, bandas e artistas independentes, e isso inclui o DRC. A revista No Eixo, é um projeto meu que foi desenvolvido inicialmente como trabalho de conclusão de curso, mas trouxe um resultado positivo e deve seguir em frente.

Na página 6 tem um relato sobre um show do DRC em São Miguel do Oeste/SC e nas páginas 24 e 25, tem um perfil do nosso querido Tico Santa Cruz. Prestigiem ;) Cliquem em "expand" para poderem visualizar a revista em tela cheia e poderem escolher qual página querem ler/ver.

Críticas e sugestões de temas e bandas para uma próxima edição podem ser deixadas aqui nos comentários.

Vídeos: DRC no Corujão do Esporte - 12/11/2011

Quando o Sol se For


Um cara de Sorte


O amanhã


Combate


Fonte: MircMirc

DRC na Virada Cultural em Manaus/AM - 13/11/2011


2ª Virada Cultural é encerrada com atrações nacionais em Manaus
Noite contou com atrações nacionais espalhadas pela cidade. Tico Santa Cruz e Fundo de Quintal foram algumas das atrações.

Na segunda noite da Virada Cultural 2011, no Palco da Praça da Saudade, centro da cidade, atrações nacionais fizeram a alegria do povo manauara neste domingo (13). Apesar da chuva o público compareceu.

O cantor e compositor carioca, vocalista da banda Detonautas Roque Clube, Tico Santa Cruz, veio a Manaus para uma apresentação solo. No seu repertório constaram canções próprias, cover de "mulher de fases" da banda Raimundos e sucessos musicais do Detonautas.

A estudante universitária Yasmim Rebouças, de 23 anos, elogiou a simpatia do artista, mas reclamou da duração do show. "Contando com o atraso costumeiro de shows, a apresentação durou cerca de 50 minutos, foi muito rápida. Mas ele foi super simpático com o público, apesar deste não ter respondido à animação do músico", disse a universitária.

Matéria completa clique aqui.

Fonte: G1

domingo, novembro 13, 2011

Festival Rodrigo Netto


Festival de Rock será realizado neste mês em Catanduva
  
Nos próximos dias 26 e 27 a Associação Dell’Arte, juntamente com a Secretaria Municipal de Cultura, realiza o Festival de Rock “Rodrigo Netto”.

O evento tem como objetivo apresentar os trabalhos das bandas de rock de Catanduva e, para isso, as bandas de rock que participam ativamente do coletivo artístico gravaram a música tema do Festival, intitulado ‘O Coletivo’.

Além disso, a realização do Festival acontece em parceria com o movimento ‘Armada do Rock’. Já a Secretaria de Cultura cederá o aluguel do equipamento de som utilizado para apresentações.

A música tema do evento será gravada com uma música de cada banda do coletivo artístico, que resultará na produção de um CD exclusivo, que será distribuído durante o Festival.

De acordo com o vocalista da banda N-Way, Celso Henrique, os recursos para gravação da música e produção do CD foram obtidos através da venda de massas congeladas.

Já o presidente da Associação Dell’arte, Rafael Back, os músicos têm uma importante ferramenta artística em mãos, mas estão sem espaço para mostrar a transformação que a música pode fazer. “Isso pode ser considerado tanto no público de um show, mas como uma população inteira. Temos como exemplo as canções compostas nos tempo de chumbo em nosso país”.

O evento será realizado na sede da Associação, que está localizada no Armazém do Café.

SAIBA MAIS

O nome do Festival de Rock foi escolhido em homenagem ao ex-guitarrista da Banda Detonautas, que foi morto em uma tentativa de assalto há cinco anos. “Nós nos identificamos com as idéias do Detonautas, banda que tem forte engajamento político e são motivadores de uma postura cidadã em nossa cidade”.

PARTICIPANTES

São nove bandas que participam do movimento ‘Armada do Rock’, as quais são: Infane; Zeedogz; N-Way, Controlverse, The Suplentes; Mandria; Bivs; The Gambiarras e Connect One.

As reuniões são realizadas quinzenalmente, onde são discutidas propostas de políticas públicas para a música, além de encontrar soluções criativas para as dificuldades encontradas pelos músicos exercerem seu ofício.

sexta-feira, novembro 11, 2011

DRC no Corujão do Esporte - pt2


Spider, Detonautas e Flávio Canto participam do Corujão do Esporte


Em uma semana em que o calendário esportivo está recheado de eventos, o Corujão do Esporte desta sexta-feira, dia 11, conta com a participação de convidados especiais. O apresentador Tande recebe no estúdio os lutadores Anderson Silva e Vitor Belfort, o judoca Flávio Canto, os músicos do Detonautas e o jogador de futebol Pedrinho, do Vasco.

Além da disputa do cinturão dos pesos pesados do UFC Combate entre o brasileiro Junior Cigano e o americano e atual campeão Cain Velasquez, que a Rede Globo transmite na madrugada deste sábado, o programa falará sobre os amistosos da Seleção Brasileira de futebol, as fortes emoções da reta final do Campeonato Brasileiro e da Copa Sul-Americana, e sobre a trajetória da equipe feminina que disputa a Copa do Mundo de Vôlei.

O programa vai ao ar logo após o Programa do Jô, às 2h20, horário de Brasília.

Fonte: NTB

Independente Roque Clube

Vinícius Castelli
Do Diário do Grande ABC

De novidades, a banda carioca Detonautas está cheia. Músicas novas, independência. Sim, agora o grupo de Tico Santa Cruz (voz), Renato Rocha (guitarra), Tchello (baixo), Fábio Brasil (bateria), Phillippe (guitarra) e DJ Cleston (pick-ups) trabalha por conta própria, pensa longe e assume todas rédeas da carreira.  

No site oficial (www.detonautas.com.br), os músicos disponibilizaram as novas composições. E quem se dá bem com isso? O fã, é claro, que pode baixá-las gratuitamente e não precisa esperar que o disco todo fique pronto para ouvir, e a banda, que consegue divulgar rapidamente seu trabalho. Já são cinco faixas por enquanto - todas fazem parte do EP 'Roque Clube' -, distribuído também em CD como brinde para quem adquire algum 'merchandising' do grupo.

De acordo com Tico Santa Cruz, a banda colocará ainda duas outras canções no site. "Guardaremos uma parte das músicas inéditas e aí lançaremos o CD completo, com 12 ou 13 faixas, em edição limitada", conta o vocalista em entrevista ao Diário. A banda aproveita para mostrar as novas músicas aos paulistanos no dia 18, no Woodstock Bar.

Adepto das novas tendências, Tico afirma não ser seduzido pelo método tradicional, que é o álbum físico. "A gente faz o processo natural do nosso mercado, que é o do rock. Ele está vinculado com a juventude, que já nem entende mais a indústria como um disco, e sim como arquivo, e nós já havíamos percebido isso."

As canções presentes em 'Roque Clube' não têm fórmula diferente da já conhecida pelos fãs. Além de 'Combate', uma das mais pesadas, o EP traz 'Um Cara De Sorte', suave e de refrão grudento. 'Sabemos Fingir' é outra que promete grudar nos ouvidos dos fãs, que, de acordo com Tico, têm aumentado depois da passagem do grupo no festival Rock In Rio, em outubro. A participação da banda no evento será lançada em DVD no primeiro semestre de 2012 e trará, além do show, depoimentos e documentário dos bastidores.

Sem vínculos, sem pressa e de bem com a vida, a banda gravou as músicas em seu estúdio e aproveitou para cuidar da produção do EP. "Agora temos essa oportunidade, de gerir nossa carreira. Sempre fomos atuantes. Todas as decisões tomadas na carreira do Detonautas foram de comum acordo. Quando a gravadora impôs algo, nós saímos. A gente é responsável por tudo que aconteceu de bom e de ruim com o Detonautas", conta Tico.

Detonautas -Show. De 6ª (18) para sáb. (19), à 0h. No Woodstock Bar - Rua Baltazar Fernandes, 54. SP. Tel: 5543-7000. Ingr.: De R$ 60 a R$ 150.

DRC no Aglomerado - CUFA - 12/11/2011


Detonautas
Liderado por Tico Santa Cruz, grupo canta músicas com mensagens políticas


No sábado (12/11), às 18h30, o Aglomerado traz um grupo que está há 13 anos na estrada e que tem nas suas letras muita preocupação com a luta social e a construção da cidadania: os Detonautas. Os músicos, liderados pelo vocalista Tico Santa Cruz, cantaram seus maiores sucessos e detonaram o mau humor, levantando o público que lotava o viaduto de Madureira.

Depois é a vez do quadro ‘Guerreiros e Guerreiras’ mostrar um pouco da luta do surfista Ricardo Bocão, que tem uma escolinha de surfe perto da maior favela da Rocinha. Além de ministrar aulas de surfe, Bocão ensina os jovens a fazer manutenção das pranchas, garantindo que a paixão possa ser também uma fonte de renda.

Das areias das praias para as salas de cinema, com o ‘Cine Rapidinho’, apresentando a jovem Ana Okuti, que fez o curta Caixa Preta. Ana cursa pedagogia na UERJ e é conhecida pela criatividade de seus filmes. Caixa Preta ganhou o prêmio de Melhor Roteiro no VIII Festival Iguaçuano de Vídeo, com circulação em festivais e mostras pelo Rio de Janeiro.

Fonte: TV Brasil

O programa foi gravado tem algum tempo, fotos da gravação podem ser visualizadas clicando aqui e aqui.

Detonautas estão de volta ao independente


Banda renega as gravadoras e parte para uma carreira 'direta com os fãs'

Da internet veio, para a internet voltarás. Esse parece ser o lema do grupo de rock carioca Detonautas, que lança neste mês um EP independente com cinco músicas. 

Agora, a banda de Tico Santa Cruz (voz), Renato Rocha (guitarra), Tchello (baixo), Fábio Brasil (bateria), Phillipe (guitarra) e DJ Cleston (pick-ups) vai manter sua carreira longe das gravadoras. 

"Cada período na vida de um artista é um ciclo e agora estamos iniciando esse, que promete ser bastante produtivo", explica o cantor Tico Santa Cruz, que falou com nossa reportagem na última quarta-feira.

Esse novo ciclo oferece um maior controle artístico para o Detonautas, que é o que eles sempre buscaram. 

"Estamos produzindo nosso próprio material, no nosso próprio estúdio e lançando pelo nosso próprio selo. São músicas que mostram o que aprendemos em 15 anos de carreira sem que ninguém de gravadora dê palpite, visando apenas o lado comercial da coisa", explica o cantor. 

Realidade nacional

A ideia futura é que todos os meses o grupo lance um música inédita pela internet e a entregue de graça aos fãs, que depois vão aos shows ver a banda ao vivo. 

"Hoje, CD não tem muita serventia do ponto de vista de ganhos, é mais um cartão de visitas. O que nos sustenta são os shows. Por isso, vamos continuar tocando e quando tivermos material não vamos segurar, vamos oferecer ao público e, se tiver um bom retorno, automaticamente ela entra no repertório dos shows", observa Tico. 

A independência absoluta do esquema de gravadoras vem sendo o modus operandi de muitos artistas pelo mundo. Os ingleses do Radiohead, por exemplo, lançaram o álbum "In Raibows" pela internet, com os fãs pagando o que achavam necessário ou podiam. 

Tico nega qualquer influência estrangeira neste novo momento de seu grupo.

"O Radiohead já era uma banda mega consagrada e sua experiência correspondia a menos riscos do que o nosso. Não dá para comparar diferentes realidades", compara. 

Para ouvir e baixar as novas músicas do Detonautas, é só acessar o site www.detonautas.com.br.

Fonte: Liberal

quinta-feira, novembro 10, 2011

Não somos os “queridinhos” da mídia


Tico Santa Cruz revela que o Detonautas foi escolhido pelo público e seu compromisso é com ele

O ano era 1997, início da internet discada no Brasil. Entre uma sala de bate papo e outra, Luís Guilherme e Eduardo Simão, mais conhecidos como Tico Santa Cruz e Tchello, deram o pontapé inicial para a banda que é hoje referência do rock nacional: Detonautas Roque Clube, ou simplesmente Detonautas. A história da banda é marcada por altos e baixos, conquistas, sucesso, mas também tragédia. Suas letras trazem mensagens positivas de amor e emoções, críticas contra a violência e corrupção, principalmente após sentirem na pele a perda de um integrante para a violência carioca.

Com várias premiações como um VMB de Banda Revelação e outras várias indicações, Detonautas foi escolhida para ser a banda oficial do Interação UPF 2011. O vocalista Tico Santa Cruz conversou um pouco com a gente antes do show. Confira:

NEXJOR: Começando então pelo Rock in Rio, como foi para vocês a experiência de dividir o palco com outros grandes nomes da música, como o Guns N’ Roses eSystem of a Down?
Tico Santa Crus (TSC): É uma experiência que pontua o encerramento de um ciclo e a abertura de outro. Quando era adolescente, sonhava em poder tocar em algum lugar assim, com muitas pessoas, mas nunca imaginei que seria em um festival de tamanha magnitude, um festival internacional que foi transmitido para vários países. Poder ficar ao lado de bandas que nós não só admiramos, mas, gostamos. Eu, particularmente, sou muito fã do Guns e do System, embora eles tenham discursos completamente diferentes, porque O System fala justamente o contraponto do que o Guns vive, mas creio que no fim a música supera tudo isso. É uma maneira de unir as pessoas em torno de uma coisa bacana, que é essa diversidade, e para o Detonautas, que esteve presente, sentindo na pele foi mais legal ainda.

N: O show do Detonautas, no último dia do Rock in Rio, 2 de outubro, foi eleito o melhor show nacional do Palco  Mundo pela enquete UOL. Como foi para vocês conquistarem isso?
TSC: Foi uma surpresa pra nós. O show do Detonautas sempre foi muito visceral, somos uma banda muito mais de palco do que de estúdio, de disco, de programas de TV. O Detonautas foi uma das bandas que não foi mencionada por qualquer veículo de comunicação, mesmo estando confirmada no palco principal. Mas acredito que, depois do show, conseguimos de alguma maneira mostrar o que fazemos, porque talvez algumas pessoas não conectassem a música a banda, até tivessem a atenção voltada para as questões com as quais eu me envolvo, e isso às vezes confunde as pessoas, o meu ponto de vista particular e o da banda, enfim… Acho que ali se conectou tudo, porque antes de qualquer coisa somos uma banda e a gente faz música. Então, foi muito legal pra gente.

N: O Rio Grande do Sul é um dos estados de onde mais saem bandas de rock do Brasil. Você sente alguma diferença em tocar para o público gaúcho?
TSC: De fato, o Rio Grande do Sul é um país dentro do Brasil. Eu, por exemplo, estou viajando a 13 anos dentro do Brasil. Conheço as bandas daqui, já trabalhei em algumas ocasiões, nada registrado oficialmente, mas já participei de shows, já presenciei alguns como ouvinte, acho que o RS tem bandas muito bacanas, acho que o Sul deveria ocupar o espaço que até foi utilizado pelos Engenheiros durante um bom tempo nos anos 80, e que talvez hoje seja ocupado por outras bandas, até com as quais eu não me identifico. Acredito que aqui no sul tem bandas que representam muito mais o estado do que aquelas que estão fazendo esse papel. Então, eu torço pra que essas bandas do sul ganhem notoriedade para que, de fato, o Brasil possa conhecer o que é feito aqui, qual a verdadeira raiz no rock do Rio Grande do Sul.

N: No site da banda você se define como um parasita de celebridades importantes ou não. O que você quis dizer com isso?
TSC: Bom, (risos) na verdade isso é uma ironia a essa glamuralização do nada. As pessoas se expõem e querem ser vistas, todos os artistas querem. Mas existe uma diferença muito grande entre quem tem alguma coisa pra oferecer com conteúdo e aqueles que querem aparecer somente pra tirar fotos e dar autógrafos. Eu me coloquei como parasita porque eu consigo me “aproveitar” dessa maneira para também me inspirar e escrever minhas coisas, ter meus leitores e tudo, mas de uma forma para onde eu tenha uma simbiose com as pessoas que estão lendo e que elas possam entender qual é o meu objetivo com o blog, com as músicas e as mensagens que eu tento transmitir. Enfim, ser famoso só por ser famoso se torna uma coisa meio inútil em minha opinião, porque, se eu não tivesse nada para oferecer e pudesse desfrutar de uma vida de celebridade, talvez eu não estivesse falando assim. Mas acredito que as pessoas que têm conteúdo deveriam ser mais exaltadas em prol da exaltação do nada.

N: As redes sociais hoje são mais uma forma de interação das bandas com o público. Como é a relação de vocês com os fãs nas redes sociais e na internet em geral?
TSC: O Detonautas teve sua formação através da internet. Então, nós fomos à primeira banda no Brasil a usar a internet como meio de disseminação de conteúdos, por volta de 1996 e 1997. Sempre estivemos conectados à rede e foi o que construiu nossa carreira, o que propiciou tudo que a gente tem hoje, o que fez o Detonautas se tornar uma banda famosa e conhecida no Brasil todo. Mas, acima de tudo, foi o que nos deu a independência pra não precisar de nenhum intermediário entre a banda e os fãs. Então, talvez tenha sido e continua sendo a ferramenta mais importante e valiosa na mão de quem sabe usar, para que possamos chegar aonde queremos, e ultimamente a banda tem conseguido isso.

N: Como tudo na vida tem seus altos e baixos, com as bandas não é diferente. Qual a maior dificuldade que a banda já enfrentou até aqui?
TSC: O Detonautas é uma banda que não foi escolhida pela mídia como uma banda queridinha e nunca foi exaltado por canais de TV, premiações. Na realidade fomos escolhidos pelo público. Então, o nosso compromisso é com o público.  Pra nós é um pouco difícil porque existe uma geração inteira que às vezes se pauta somente pelo que a mídia coloca e determina como sendo legal e o que não é. Eu combati muito isso, falei e expressei, fui direto às vias práticas mesmo de me posicionar profissionalmente como um artista que não compactua com esse tipo de mecanismo. Para ser bem sincero, nós passamos por muitas dificuldades. Tem gente que acha que o Detonautas acabou que a banda não faz mais shows, principalmente antes do Rock In Rio, por não estar o tempo todo na TV, não ter hashtag o tempo todo no twitter. Eu não quero mendigo, não quero fãs que fiquem o tempo todo pedindo coisas. Quero pessoas que pensem que raciocinem que tenham uma filosofia de vida. Então, de certa forma os nossos altos foram quando desfrutamos dessa popularidade, mas não através dos meios de comunicação tradicionais, mas através da legitimidade do público. E os nossos baixos talvez fossem os momentos passados depois da perda do Rodrigo, quando o nosso irmão foi vítima da violência no Rio de Janeiro.  Isso aí é uma coisa que só quem vive mesmo pode dizer. Eu não sei como representar em palavras, mas esse foi o momento mais difícil da banda. Posso dizer que foi o fundo do poço mesmo fisicamente, mentalmente, e a nossa carreira também deu uma desvirtuada do caminho que estávamos seguindo.

N: O quarto disco, O Retorno de Saturno, tem um significado especial na carreira da banda?
TSC: O Retorno de Saturno é uma fase astrológica na verdade. Ele acontece dos 28 aos 30 anos pra quem gosta de astrologia e tudo. É uma fase revolucionária, pois você deixa de ser jovem e se torna realmente um adulto responsável. Você vai começar a colher o que plantou nesses anos anteriores. Ele representa essa maturidade da banda, e no disco tem várias músicas em homenagem ao Rodrigo, inspiradas no que vivenciamos. O Cd todo foi inspirado naquele pós- trauma que conseguimos superar, mas pra mim particularmente, é um dos discos mais bonitos da banda. Talvez comece uma linha de letras minhas que sejam mais maduras e que, aí sim, talvez tenha uma conotação na qual eu me espelho nos meus ídolos e consiga escrever coisas atemporais.

N: “Meus olhos grandes de medo revelam a solução”. Do que o Detonautas mais tem medo?
TSC: Eita! Que pergunta difícil… Eu acho que todo mundo tem medo de perdas, perder alguém que você ama muito. Já tivemos uma perda na verdade… Assim, o sucesso, a fama, tudo isso a gente sabe que é passageiro, mas as pessoas não. As pessoas fazem parte da nossa vida, deixam um pouco de si e levam um pouco da gente. Então, nosso maior medo é de alguma maneira que a gente se perca do caminho ou se perca das pessoas com as quais nos relacionamos, que perca o bom senso, perder a amizade. Acho que esse é o medo da maioria das pessoas, não só do Tico, não só do Detonautas, mas sim de todos os que vivem.






quarta-feira, novembro 09, 2011

DRC no Corujão do Esporte - pt1

Making off - Anderson Silva e DRC no Corujão do Esporte, que irá ao ar na madrugada de sábado depois do Programa do Jô, na Rede Globo.

Vídeo: Yamaha Brazilian Beat

Um vídeo muito legal, com DRC de trilha sonora em 70% do tempo, mostrando como foi a primeira edição do festival Yamaha Brazilian Beat.

segunda-feira, novembro 07, 2011

DRC no Corujão do Esporte

Tico no Facebook:

"Hoje gravamos a primeira parte de nossa participação no Corujão do Esporte e tocamos Combate para a entrada do histórico Lutador Anderson Silva. O Papo junto com o Tandy e com o Flavio Canto, 2 outros ícones do Esporte nacional fluiu muito bem!!! Foi mega divertido! Na sexta gravaremos a outra parte, dessa vez com a presença do não menos importante Vitor Belfort. MMA chegando as telas principais da Globo e popularizando o esporte onde tenho muitos amigos! Foi muito legal!"

quinta-feira, novembro 03, 2011

Detonautas lança EP enquanto aguarda a edição do show do Rock in Rio



Enquanto aguarda a edição pela MZA Music de DVD e CD ao vivo com o registro do show que fez no Rock in Rio 2011, o grupo carioca Detonautas Roque Clube lança EP em formato digital com cinco músicas inéditas. Um Cara de Sorte (balada eleita para promover o disco nas rádios), Combate (rock no estilo sujo das bandas de garagem), Sabemos Fingir (rock balada de pegada pop), Conversando com o Espelho (rock turbinado com a gaita bluesy de Jefferson Gonçalves) e Sua Alma Vai Vagar Por Aí (rock de textura punk gravado com o rap do grupo carioca Cone Crew Diretoria) são as faixas do EP. A ideia do Detonautas é continuar liberando repertório inédito na internet para, mais tarde, lançar um álbum com todas as músicas novas.

terça-feira, novembro 01, 2011

Show: DRC em Monte Alto/SP - 05/11/2011


Festa Fantasia em Monte Alto traz Detonautas, Raimundos e Munhoz & Mariano


Monte Alto (SP) recebe nos dias 4 e 5 de novembro, a 17º Festa Fantasia da Bigatto Eventos. Serão dois dias de muita gente bonita e curtição. Na sexta feira, Noite da Paz, o agito fica por conta da dupla sertaneja Munhoz e Mariano. No sábado, a festa vai ser comandada pelas bandas de rock Detonautas e Raimundos.

Área Vip Premium, com: Wisky, Energético, Vodka, Suco, Cerveja BRAHMA, Refrigerante, Jurupinga, Vinho, Drinks.

PROGRAMAÇÃO:

17º Festa à Fantasia Niver do Bigato
* Traje Obrigatório Fantasia

Show com Detonautas e Raimundos e na Noite da Paz Show com Munhoz & Mariano

- A sexta feira da Noite da Paz, começa com muita alegria e diversão, a dupla sertaneja Munhoz e Mariano vem para o palco abrindo a sexta feira do final de semana badalado em Monte Alto.
- Já no sábado a festa vai ser comandada pelas bandas de rock Detonautas e Raimundos, que vão agitar com muito rock os palcos da 17º Festa Fantasia de Monte Alto - SP.

CONVITES:
Pista Individual= R$ 30,00.
Area VIP Premium = R$ 80,00
Passaport ( Para os dois dias ) = R$ 50,00

* Comprando área vip do sábado, ganha sexta!

PONTOS DE VENDA:
Monte alto
Chegadinha, Posto Pignatta, Side Wind, Auto Posto Boer
Ribeirão Preto
Fantasia Verde e Rosa
Bebedouro
Armazém da Cerveja
Ibitinga
Jonas-Excursões
Itapolis
Loja João Brasil
Supermecado Alvorada
Sertãozinho
Ponto Com Informática, Checkpoint Lan House
Catanduva
Rede Central
Matão
Gordo Calçados
Taquaritinga
Cotai Auto Posto
Jaboticabal
Posto do FÚ
Side Wind

LOCAL: Bancários Campestre Clube
INFORMAÇÕES: www.festafantasia.com.br

Fonte: Novacidade

sábado, outubro 29, 2011

Detonautas lança EP independente


A banda carioca Detonautas Roque Clube, que há lançou álbuns por grandes gravadoras, agora trabalha de forma independente.

"Estamos produzindo nosso próprio material, no nosso próprio estúdio e lançando pelo nosso próprio selo. São músicas que têm letras consistentes, uma grande diversidade sonora e que mostram o que aprendemos ao longo de 15 anos de carreira. Particularmente, gosto muito do astral de todas elas", comentou.

O sexteto prepara um novo disco, que deverá contar com dez ou 12 músicas, destas cinco inéditas já foram finalizadas e quatro delas lançadas virtualmente num EP. A

Através de um comunicado, o guitarrista Renato Rocha comentou a nova fase do grupo.

O EP conta com as participações especiais de Jefferson Gonçalves, tocando gaita na faixa "Conversando com o Espelho" e Felipe Lour, na guitarra em "Combate", single em que co-assina. A primeira música de trabalho é a balada "Um Cara de Sorte".

Fonte: Kboing

quinta-feira, outubro 27, 2011

Show com banda Detonautas é um dos destaques do Interação


Programação iniciou na terça-feira,25, e se estende até esta quinta-feira, dia 27, reunindo mais de 7 mil estudantes 

Tirar as dúvidas e conhecer toda a estrutura da Universidade de Passo Fundo (UPF), tudo isso acompanhado de muito lazer, descontração, conhecimento e muita música com a banda nacional Detonautas. Esses são os ingredientes do Interação UPF 2011, que iniciou na terça-feira
(25/10) e se estende até esta quinta-feira, dia 27, reunindo mais de 7 mil estudantes concluintes do ensino médio de 164 escolas de toda região. A iniciativa deseja ser mais uma ferramenta à disposição dos jovens do ensino médio na escolha responsável e consciente da carreira a ser seguida.

Confira as reportagens sobre o Interação produzidas pela UPFTV:


A programação do Interação UPF é intensa e os participantes passam o dia na UPF: logo cedo, os jovens são separados em grupos, por área de interesse, e guiados por funcionários da instituição para conhecerem mais sobre os cursos de graduação. Eles podem esclarecer dúvidas e recebem informações atualizadas sobre os diferenciais de estudar em uma universidade.

Nesta quarta–feira, novos alunos foram recebidos, cheios dúvidas, mas também de sonhos e de expectativas. Estudante do terceiro ano da Escola Zumbi dos Palmares, da cidade de Pontão, Andressa Belaver ressaltou que já se decidiu. “Por meio do Interação UPF eu pude conhecer melhor a carreira que quero seguir, que é a Psicologia. Quero estudar aqui na UPF porque tem os melhores professores para nos passar um amplo conhecimento”, considerou.

O desafio da carreira profissional também foi o que motivou a aluna da Escola Castro Alves, de Machadinho, Adriana Inocente, a participar da atividade. “Com o Interação eu posso ver de perto como funcionam todos os cursos, e tirar minhas conclusões para a carreira que desejo seguir”, explicou a estudante do terceiro ano do ensino médio. Já com o curso escolhido Daniele Spaeein do Colégio São Luiz Gonzaga de Veranópolis, veio até a UPF pela primeira vez conhecer melhor a estrutura. “Eu já fiz a minha escolha, vou optar por Medicina na UPF, visto que é uma excelente universidade, se destacando das demais”, explicou, comentando que o Interação auxilia e ao mesmo tempo desenvolve dias de descontração. “É bacana vir ate aqui, conhecer e tirar todas as duvidas e ainda no final curtir o show”, destacou a futura vestibulanda.


O Interação UPF continua nesta quinta-feira. A organização das atividades está a cargo da Agência de Comunicação e Marketing. Toda a programação pode ser obtida no site www.upf.br/interacao.

Confira aqui mais fotos do Interação, no Facebook da UPF.

Clipe: Fan Made : Sabemos Fingir

Música nova - Sabemos fingir - pt1


DETONAUTAS LANÇAM CANÇÃO NOVA, "SABEMOS FINGIR"- OUÇA

Quem está com música nova, lançada nesta quinta (27) são os Detonautas. O grupo, que apresentou Um cara de sorte, uma inédita, em seu show no Rock In Rio, surge agora na net com Sabemos fingir, que você ouve abaixo.


Além dessas, Tico Santa Cruz (vocais), Renato Rocha (guitarra), Tchello (baixo), Cléston (percussão, DJ), Fábio Brasil (bateria) e Philippe (guitarra e voz) já soltaram na net músicas como Conversando com o espelho, Sua alma vai vagar por aí e Combate, que devem estar no próximo álbum do sexteto.

Download: EP DRC

1 - Um cara de sorte
2 - Combate
3 - Sabemos fingir
4 - Conversando com o espelho
5 - A sua alma vai vagar por aí

Clique aqui para fazer o download.

Aproveita aí e baixa tudo se ainda não tem ;)

Fonte: DRC Multimídia


Música nova: Sabemos Fingir


Última música nova do EP, lançado em outubro.

Sabemos fingir

Vocês não querem a verdade, de verdade
E inventaram todas essas coisas por nós
Pra depois nos vender seus sonhos certos
E pra que fique bem claro qual é o meu lugar

Sabemos fingir
Sabemos que sabemos fingir
Sabemos fingir
Sabemos fingir

Se você é quem tem a tal formula do amor
E que conhece bem os princípios sábios de Deus,
Venda pra mim a sua sabedoria
Porque eu faço dinheiro pra pagar por existir

Sabemos fingir
Sabemos que sabemos fingir
Sabemos fingir
Sabemos fingir

Sabemos fingir
Sabemos que sabemos fingir
Sabemos fingir
Sabemos fingir

E essa máscara toda que se esconde em coragem
O covarde que não sabe o que ganhou
O soldado que não sabe quem matou
Mas que cumpriu as ordens muito bem
Muito bem... muito bem... muito bem...

Sabemos fingir
Sabemos que sabemos fingir
Sabemos fingir
Sabemos fingir

Sabemos fingir
Sabemos que sabemos fingir
Sabemos fingir
Sabemos fingir

quarta-feira, outubro 26, 2011

Fotos: DRC na Atlântida em Passo Fundo/RS - 26/10/2011


Veja as fotos dos Detonautas no estúdio da Atlântida

A Atlântida recebeu a rapaziada do Detonautas Roque Clube pra bater um papo e rolar música no estúdio durante o Barracão com o Mik Silva. Porém o melhor ainda estava por vir: um futebolzinho à noite, debaixo de chuva e regado a chopp.








Fonte: Atlântida Passo Fundo

terça-feira, outubro 25, 2011

Banda Detonautas lança EP independente


Depois de anos lançando discos com o suporte de grandes gravadoras, como a Warner Music e a Sony/BMG, a banda Detonautas Roque Clube vive nova fase com a gravação de um EP independente.

O guitarrista Renato Rocha está feliz com esse novo rumo na carreira do sexteto carioca: “Estamos produzindo nosso próprio material, no nosso próprio estúdio e lançando pelo nosso próprio selo. São músicas que têm letras consistentes, uma grande diversidade sonora e que mostram o que aprendemos ao longo de 15 anos de carreira. Particularmente, gosto muito do astral de todas elas”, comentou.

Cinco músicas inéditas já foram finalizadas e quatro delas lançadas virtualmente num EP. O processo de gravação seguirá até dez ou 12 músicas estarem prontas, quando provavelmente um CD completo chegará às lojas.

No EP, o grupo conta com as participações especiais de Jefferson Gonçalves (tocando gaita em “Conversando com o Espelho”) e Felipe Lour (guitarra em “Combate”, faixa que co-assina). O primeiro single é a balada “Um Cara de Sorte”, canção que já pode ser ouvida em algumas rádios.

Fonte: Visto Livre

Do bate-papo para o Rock in Rio


Com uma trajetória de sucesso, a banda Detonautas desembarca em Passo Fundo para o Interação UPF com muita história pra contar.


Uma história que começou em uma sala de bate-papo na era da precária internet discada. O Detonautas Roque Clube, atração do Interação UPF deste ano, surgiu assim. Tico Santa Cruz e Tchello foram os responsáveis pelo pontapé inicial da banda, formada posteriormente pelos guitarristas Renato Rocha e Rodrigo Netto, pelo baterista Fábio Brasil e pelo DJ Cléston.

Eles entraram em campo em 2002, com o disco Detonautas Roque Clube, lançado pela Warner Music. O álbum emplacou com os hits “Outro Lugar”, “Olhos Certos” e “Quando o Sol Se For”, tornando a banda uma das principais do país. No mesmo ano, a banda teve a oportunidade de abrir os shows dos Red Hot Chili Peppers, no Rio e em São Paulo, além de conquistar o prêmio VMB de banda revelação. Roque Marciano, segundo álbum da banda, foi lançado em 2004 e rendeu ao sexteto seu primeiro disco de ouro. Entre as faixas do trabalho, quatro novos hits: “O Dia Que Não Terminou”, “O Amanhã”, “Só Por Hoje” e “Tênis Roque”.

Em 2006, ocorreram a gravação do primeiro DVD da banda e a apresentação do álbum Psicodeliamorsexo&distorção: um som mais denso, pesado, sombrio e psicodélico, trazendo as faixas “Você Me Faz Tão Bem”, “Não Reclame Mais” e “Insone”. Contudo, a música mais marcante do álbum é “Tudo Que Eu Falei Dormindo”, composta por Rodrigo Netto, que, com apenas 29 anos, deixou a banda em mais um triste capítulo da recente história carioca.

Em uma nova guinada, a banda lança, em 2008, pela Sony Music, O Retorno de Saturno – álbum mais suave que coloca nas paradas a faixa-título e o tributo a Rodrigo, “Verdades do Mundo”. A nova produção, com destaques como “Oração do Horizonte” e “Eu Vou Vomitar em Você”, ganhou indicação ao Grammy Latino na categoria melhor álbum de rock brasileiro. Já no ano seguinte, uma nova reinvenção surge a partir do Detonautas Acústico Ao Vivo – CD e DVD gravados em 2009, no Rio de Janeiro. As faixas inéditas “Só Nós Dois” e “O Inferno São os Outros” se tornaram sucesso em rádios de todo o país.

Neste ano, em maio, a banda entrou no RockWalk Brasil: a calçada da fama do rock brasileiro. Além disso, em 2 de outubro, o Detonautas se apresentou no Rock in Rio e, atualmente, está em processo de gravação de seu quinto álbum de estúdio. Enquanto o trabalho, independente, vai ganhando forma, algumas faixas já podem ser conferidas nos shows do grupo e outras, recentemente produzidas, podem ser baixadas no site oficial da banda.

O show do Detonautas no Interação acontece às 18 horas, no centro de eventos. Acadêmicos da UPF, com carteirinha de estudante, têm entrada liberada. Bom show!

DRC em Erechim/RS - 25/10/2011


Não perca no J.A: Detonautas Roque Clube


A banda Detonautas estará hoje ao vivo no Jornal do Almoço em Erechim. Os músicos, que recentemente abriram a última noite do Rock In Rio, estão com uma turnê pelo sul do país onde estão divulgando o sexto CD da banda.

Atualmente "Um cara de Sorte" é uma das músicas de maior sucesso do grupo. E os Detonautas trouxeram uma surpresa para os internautas do clicRBS Erechim. Os três  primeiros que deixarem um comentário no site  dizendo que querem um kit com camiseta, adesivo e CD levam o presente. Participe. Acompanhe ao vivo. É hoje ao meio dia.

Por Diana Rocha



segunda-feira, outubro 24, 2011