terça-feira, fevereiro 19, 2013

Planeta Atlântida RS - 16/02/2013


Detonautas fazem discurso político no Palco Pretinho Convida
por Carolina Petry Matzenbacher - Fotos: Marcos Nagelstein/Preview.com



O Palco Pretinho contou com atrações muito especiais na noite deste sábado. Entre elas, os Detonautas, com o show Lado B. Segundo o vocalista da banda, Tico Santa Cruz, a apresentação é feita especialmente para que curte o rock n’roll de verdade: os músicos apareceram caracterizados com máscaras, capa de vampiro, rostos pintados e marcas de mãos cheias de sangue, em protesto à política brasileira.
Como algumas bandas, Tico afirmou que o grupo mandaria energias positivas para as famílias conseguirem enfrentar essa dor. O músico também cobrou justiça e afirmou que deseja que os responsáveis sejam punidos.

Após o desabafo, a banda tocou o sucesso “O Dia Que Não Terminou”, e foi acompanhada pelos planetários com palmas. Para o delírio da arena, que estava lotada, a bandeira do RS foi levantada no final do show. Ao som de “Outro Lugar”, o grupo desejou saúde, paz e a realização de todos os sonhos dos jovens.


Beto Bruno, vocalista da Cachorro Grande, atração que seguiu o Detonautas no palco, acompanhou do backstage o show dos caras. A banda gaúcha já tocou com a banda carioca “em mais de 20 ou 30 festivais”, segundo Beto. A Cachorro Grande é a penúltima banda a se apresentar no Palco Pretinho. Quem encerra a noite é a Forfun, grupo ligado a ritmos latinos, africanos e jamaicanos, unidos a elementos eletrônicos.


Lindas fotos por AF Rodrigues.