sexta-feira, setembro 12, 2014

'Pesada', assim pode ser definida a apresentação do DRC em Uberlândia

'Pesada', assim pode ser definida a apresentação do grupo Detonautas em Uberlândia
Banda fez show na cidade mineira no última sexta-feira (5) - Igor Castanheira - Do R7 Triângulo

A banda Detonautas passou por Uberlândia, no Triângulo Mineiro, na última sexta-feira (5), e fez o público que compareceu a uma casa de show da cidade sair do chão e bater cabeça. Apesar do som atrapalhar um pouco a apresentação do grupo, pois quem estava bem próximo as caixas de som ou quem ficou no "fundão", não conseguia ouvir com clareza as músicas cantadas por Tico Santa Cruz,  líder e vocalista da banda.

O show foi agitado, com a massa curtindo cada minuto, fazendo com que este problema apresentado na aparelhagem ficasse em segundo plano. O vocalista falou sobre política, liberdade de expressão e a sociedade. Ele também brincou  com o público e conduziu a massa como se fosse um maestro em determinadas músicas.

Tico subiu ao palco mascarado e com um copo mão, saldou o público e com as guitarras e a bateria funcionando em perfeita harmonia fez uma introdução "pesada".

Como de costume, o grupo fez homenagens as bandas que influenciaram os integrantes. E na apresentação, na última sexta-feira, não faltaram homenagens. De clássicos do rock nacional a hinos consagrados pelo mundo, os Detonautas tiveram uma performasse de maneira geral bem "pesada".

A banda passou pela década de 70 relembrado "Highway To Hell", da banda australiana AC/DC.Foi à Bahia e homenageou o "Maluco Beleza", Raul Seixas, com duas músicas.

O rock nacional continuou com força, com mais dois hinos da Legião Urbana, "Pais e Filhos" e "Que País é este". Chegou a década de 90 com a depressiva "Rape Me",do Nirvana. Já a galera tirou o pé do chão na "porrada"  "Killing In The Name", do grupo Rage Against The Machine. Peso também não faltou ao tocarem "Eu Quero É Ver o Oco", dos calangos dos Raimundos. Também foi homenageada, a banda Charlie Brown Jr.

Claro! Eles tocaram os sucessos que os consagraram durante toda a carreira e divertiram a massa com as músicas como "O Dia que Não Terminou", "Outro Lugar" "Você me faz tão bem", "Olhos Certos", entre outras.

O show agradou todo tipo de público, desde os mais novos que conhecem o novo trabalho do grupo, intitulado "A Saga Continua", aos mais velhos, que além de curtirem músicas que fizeram parte da sua fase adolescente na voz de Tico Santa Cruz, poderam relembrar músicas que fazem parte da história do rock e que todo mundo conhece.