quinta-feira, dezembro 11, 2014

DRC e Titãs tocam no Réveillon de Copacabana

Como já havíamos anunciado no dia 13 de outubro, o DRC foi confirmado ontem na festa da virada em Copacabana/ RJ durante coletiva de imprensa. A notícia anterior você pode conferir aqui...

TITÃS E DETONAUTAS VÃO TOCAR NO RÉVEILLON DE COPACABANA, NO RIO
Fonte: Rádio Cidade

A Prefeitura do Rio de Janeiro anunciou as atrações desse ano do tradicional Réveillon de Copacabana e, entre os convidados, estão os Titãs, Detonautas e Baia Toca Raul. As bandas vão tocar no palco principal, que fica localizado próximo ao hotel Copacabana Palace. Os shows acontecem no dia 31 de dezembro.


Réveillon de 2015 no Rio terá homenagem aos 450 anos da cidade
Sequência de fogos nas balsas vai escrever por 2 segundos 'Rio 450'.
Queima de fogos em Copacabana vai durar 16 minutos.
Alba Valéria Mendonça - Do G1 Rio - Fonte: G1


O Réveillon de 2015 no Rio terá uma homenagem aos 450 anos da cidade. A marca do jubileu vai ser a identidade visual do evento. A queima de fogos em Copacabana vai durar 16 minutos. A novidade será uma sequência de fogos nas balsas, que por dois segundos vai escrever “Rio 450”. O público estimado para a festa é de dois milhões de pessoas. As informações foram divulgadas nesta quarta-feira (10) pela Secretaria de Turismo do Rio e pela Riotur.

"Como no céu isso não seria possível, vamos escrever essa homenagem de dois segundos nas balsas do meio de Copacabana", explicou o secretário de Turismo Antônio Pedro Figueira de Mello.

A inscrição, segundo Vivian Pires, da empresa Pirotecnia Igual Brasil, vai ocorrer a cerca de 50 metros de altura, durante a contagem regressiva, em dois momentos: quando a contagem estiver em 4 e depois em 2. Esses fogos serão azuis.

"No céu, as novidades serão os fogos em forma de cometas vermelhos e troncos de onde sairão margaridas brancas e vermelhas. Mas eles foram preparados para acompanhar a trilha sonora festiva de clássicos do Rio", contou Vivian, informando que é importante acompanhar a trilha sonora - que será transmitida pela Rádio Globo - para ter uma exata noção do espetáculo.

Os fogos serão disparados de 11 balsas, que levarão 34 mil bombas ao todo. Serão 30 torres de som, mais 30 torres de segurança, cinco postos médicos e 500 banheiros químicos. A promessa é de um espetáculo com efeitos inéditos. Segundo a prefeitura, haverá borboletas, flores e também uma sequência de raios.

"No ano passado fiz a promessa de aumentar o número de banheiros químicos de 300 para 500. E ainda estamos conversando a Secretaria de Conservação para ver se conseguimos a instalação daqueles banheiros em contêineres", acrescentou Antônio Pedro.

Para a festa da virada de ano, que será realizada pela SRCom, são esperados 2 milhões de pessoas, sendo 816 mil turistas. A renda obtida com o turismo é estimada em R$ 650 milhões.

Os shows pela cidade vão acontecer em nove bairros: no Parque de Madureira, Piscinão de Ramos, Penha, Ilha do Governador, Ilha de Paquetá, Flamengo, Pedra de Guaratiba e Sepetiba e na Praia de Copacabana. Ao todo, serão 27 horas de música com 28 atrações.

A tradicional festa em Copacabana terá no palco principal as bandas Titãs, Detonautas, Baia Toca Raul, e o cantor Seu Jorge, além da bateria da Unidos da Tijuca. 

No palco montado em frente à Rua Santa Clara as atrações são: Bossa Cuca Nova, Revelação, Maria Rita, Roupa Nova e as baterias do Salgueiro e da Portela. Já no palco do Leme vão se apresentar: Grupo 100%, Grupo RP, Leandro Sapucahy, Styllo. Samba, funk e MPM nos outros palcos da cidade A programação para os outros palcos da cidade é bem variada, com shows de samba, funk e MPB, para ninguém ficar parado. Veja as atrações abaixo:

No Parque de Madureira: Velha Guarda da Império Serrano, Ferrugem, Clareou e bateria da Mangueira.

No Flamengo: Leo Russo e Thaís Macedo, Silvinho Blau Blau, Gabriel Moura e baterias da Beija-Flor e da São Clemente.

Na Ilha do Governador: Pura Amizade, Swing e Simpatia, Tá na Mente e bateria da União da Ilha.

No Piscinão de Ramos: MCs do Funk, Nosso Sentimento e bateria da Grande Rio.

Na Penha: Samba Legal, Preto Joia, Celebrare, Imaginasamba e bateria da Imperatriz.

Na Ilha de Paquetá: Bruno Maia, Coisa Séria, Alex Cohen e bateria da Viradouro.

Em Sepetiba: Curtindo a Vida, Dilsinho, Marquinhos Sensação e bateria da Mocidade Independente.

Em Guaratiba: Disfarce, Michael Sullivan, Reinaldo Príncipe do Pagode e bateria da Vila Isabel.